Defensor Oficioso

Um blog realizado no âmbito do patrocínio oficioso, na modalidade de dispensa total de taxa de justiça e demais encargos com o processo, (in)dependentemente de juízo sobre a existência de fundamento legal da pretensão…

Nome:
Localização: Coimbra, Portugal

CONTACTO OFICIOSO

26 fevereiro 2009

Socialistas retiram da lei limitação quantitiva à posse de armas

A nova lei não vai impor uma limitação quantitativa à posse de armas. Esta é um das principais alterações que os socialistas vão introduzir na lei das armas, que está a ser discutida na especialidade na subcomissão parlamentar da Administração Interna.
continua in
Jornal de Notícias

Etiquetas:

1 Comments:

Blogger Oliveira Neves said...

Ora aí está uma medida legislativa, que no que me concerne, já vem tarde. Mais uma vez Portugal se destacou pela negativa. Porque carga de água é que os Agentes das Policias com funções Policiais, têm de ser limitados no nùmero de armas nomeadamente de defesa, que desejem possuir para sua recreação e até como back-up operacional ? Nunca se viu tamanho disparate,nem em Portugal,nem em Espanha e Alemanha por exemplo. Não são só os caçadores que podem ter mais de uma arma para as diferentes espécies cinegéticas, o que faz sentido. O que não faz sentido é a falta de confiança institucional nos seus Agentes das Policias, ao retirar-lhes algo que sempre tiveram e que em função dos seus deveres profissionais,faz todo o sentido. Afinal queremos umas Policias modernas ou um Corpo de Archeiros e Besteiros como no Século XIV ?

Manuel Neves

7/08/2009 3:15 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home